Saque do FGTS: Sou obrigado a sacar os R$ 500,00? Quem não tem conta na Caixa? Tire suas dúvidas

A partir de setembro deste ano, os trabalhadores brasileiros podem começar a efetuar saques de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). A medida foi anunciada pelo Governo Federal e pretende beneficiar 96 milhões de trabalhadores. 

Quem poderá receber e como consultar o saldo do FGTS
Se fizer esta opção, o cotista poderá antecipar o recebimento do dinheiro e receber a cota de acordo com o mesmo calendário previsto para o crédito nas contas poupança. 

A regra também vale para trabalhadores com conta-corrente ou poupança conjunta, abertas até 24 de julho deste ano. Os beneficiários que têm cadernetas de poupança e correntistas que optarem pelo depósito automático serão os primeiros a receber o dinheiro, já a partir do dia 13 de setembro.
Porém, muitas pessoas ainda possuem dúvidas sobre o saque. 

O especialista e advogado Antônio Bernardes, que explicou como funciona o calendário de saques e quais os benefícios disso para o trabalhador.

De acordo com Antônio Bernardes, antes da medida do Governo, o saque do FGTS poderia ser realizado em casos de aposentadoria, compra da casa própria, demissão sem justa causa e doenças graves. Agora, além das opções anteriores, o trabalhador poderá sacar o valor da conta em duas ocasiões: o saque imediato e o saque aniversário.

O saque imediato consiste na retirada de até R$ 500 por conta do FGTS. Esse valor pode ser limitado ao saldo existente nessa conta. Caso na conta tenha conta menos de R$ 500, o trabalhador deve retirado o valor que lá tiver. Este saque só pode ser realizado uma unica e começa no 13 de setembro até o dia 31 de maio de 2020.


A outra opção é o saque aniversário, que estará disponível ao trabalhador apenas a partir de 2020. Caso o contribuinte opte por este tipo de saque ele será realizado uma vez por ano na data do seu aniversário. O advogado Antônio Bernardes alerta que a opção pelo saque aniversário desabilita a opção pelo saque em caso de demissão. Nessa ocasião, o trabalhador só poderá sacar os 40% da multa paga pelo empregador. O resto de saldo será distribuído anualmente.

Porém, o advogado Antônio Bernardes avisa que as outras possibilidades de saque do FGTS, como aposentadoria e compra da casa própria, não serão afetadas com o saque aniversário, apenas a opção de saque em caso de demissão. Já no saque imediato, nenhuma opção será excluída.

Ainda segundo o advogado, os saques podem ser feitos em qualquer agencia da caixa Econômica Federal. Para os trabalhadores que não possuem cartão cidadão e senha, pode ser realizado o saque de até R$ 100 em qualquer lotérica apresentando numero do cpf e documento com foto. Outras informações sobre o saque do FGTS podem ser obtidas em qualquer agência da caixa no estado.

Cronograma de pagamento do saque aniversário
Nascidos em janeiro e fevereiro – saques de abril a junho de 2020;
Nascidos em março e abril – saques de maio a julho de 2020;
Nascidos em maio e junho – saques de junho a agosto de 2020;
Nascidos em julho – saques de julho a setembro de 2020;
Nascidos em agostos – saques de agosto a outubro de 2020;
Nascidos em setembro – saques de setembro a novembro de 2020;
Nascidos em outubro – saques de outubro a dezembro de 2020;
Nascidos em novembro – saques de novembro de 2020 a janeiro de 2021;
Nascidos em dezembro – saques dezembro de 2020 a fevereiro de 2021.
Saque do FGTS: Sou obrigado a sacar os R$ 500,00? Quem não tem conta na Caixa? Tire suas dúvidas Saque do FGTS: Sou obrigado a sacar os R$ 500,00? Quem não tem conta na Caixa? Tire suas dúvidas Reviewed by Recôncavo News on setembro 02, 2019 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.